EQUILIBRIUS

EQUILIBRIUS EAD

Tai Chi Chuan alivia dores / Fibromialgia

Pesquisas mostram que o Tai Chi Chuan alivia dores e diminui os sintomas da Fibromialgia

A fibromialgia é um distúrbio complexo caracterizado por dor musculoesquelética crônica generalizada, fadiga, distúrbios do sono e comprometimento físico e psicológico proeminente, causando custos de saúde elevados e crescentes. Ela afeta aproximadamente 2 a 4% da população geral entre 18 e 65 anos de idade em todo o mundo. Embora não haja cura para a fibromialgia, os tratamentos básicos combinam abordagens multidisciplinares, incluindo drogas, exercícios, terapia cognitivo-comportamental e educação em saúde.

Nas últimas décadas, os benefícios da atividade física para o tratamento da fibromialgia foram documentados na literatura e o ​​exercício aeróbio moderado é atualmente recomendado como parte do tratamento padrão. Terapias psicossomáticas como o Tai Chi Chuan e o Chi Kung são amplamente usadas por pessoas que têm dores nas costas, osteoartrite, fibromialgia e artrite reumatóide. Vários estudos já concluíram que a prática do Tai Chi Chuan efetivamente alivia as dores e melhora a saúde física e mental em pacientes com fibromialgia e outros quadros dolorosos.

Estudos comprovam os benefícios do Tai Chi Chuan

Em um pequeno estudo publicado no Journal of Holistic Nutrition em junho de 2018, dez pessoas participaram de um curso de Tai Chi Chuan de 12 semanas. Os pesquisadores mediram a intensidade da dor, cognição, estado emocional e função física. O estudo determinou que o Tai Chi Chuan pode ser usado como um tratamento para dores musculoesqueléticas crônicas e transtorno de estresse pós-traumático, além de melhorar o estado emocional, a memória e a função física dos praticantes.

Num grande estudo randomizado controlado, publicado na Revista BMJ em março de 2018, 226 adultos com fibromialgia foram selecionados para participar desta pesquisa. Um grupo de pessoas foi aleatoriamente designado para realizar exercícios aeróbicos supervisionados, duas vezes por semana durante 24 semanas e, outro grupo foi designado para praticar Tai Chi Chuan estilo Yang supervisionado duas vezes por semana durante 24 semanas. Todos os participantes foram acompanhados por 52 semanas.
Na conclusão do estudo, descobriu-se que de 226 adultos que sofriam de fibromialgia, aqueles que participaram da prática do Tai Chi Chuan tiveram melhora igual ou maior nos sintomas em comparação com aqueles que realizaram exercícios aeróbicos tradicionais, que é o tratamento não medicamentoso mais comumente prescrito atualmente para pacientes com fibromialgia.
O estudo mostrou que uma maior duração do tratamento com o Tai Chi Chuan resulta em maiores benefícios para as pessoas. A pesquisa indica que essa abordagem mente-corpo pode ser considerada uma ótima opção terapêutica no manejo multidisciplinar da fibromialgia.

Enfim, por ser uma arte que melhora e equilibra os estados físico, mental e emocional do indivíduo, o Tai Chi Chuan está sendo usado com eficácia para quadros dolorosos e muitos estudos estão mostrando resultados promissores no tratamento e alívio de diversos tipos de dores, resultando em uma saúde melhor e mais qualidade de vida para os praticantes.

Saiba mais  sobre o Tai Chi Chuan!


Referências:

TSAI, Pao-Feng; KITCH, Stephanie; CHANG, Jason Y.; JAMES, G Andrew; DUBBERT, Patricia; ROCA, Vicent; POWERS, Cheralyn H. Tai Chi for Posttraumatic Stress Disorder and Chronic Musculoskeletal Pain: A Pilot Study. Journal of Holistic Nutrition, Junho de 2018; 36 (2):147-158.

WANG, Chenchen et al. Effect of tai chi versus aerobic exercise for fibromyalgia: comparative effectiveness randomized controlled trial. BMJ Publishing Group, Março de 2018.


Pin It on Pinterest

Chat
Agradecemos seu contato. Como podemos ajudar?